Um Sentir

Sábado, 13h37 é o horário que o laptop marcar quando eu comecei a escrever, entretanto há outros fusos a me interessar... estou sentado displicentemente na mesa, pés apoiados na cadeira da frente... brigando com o sono...

Olhando pela janela, lá fora, um belo dia com direito a céu azul, sol, calor, parece convidativo... Tudo parece ter um colorido diferente hoje... Um clima de calmaria se faz presente no ar, o que contribui para aumentar meu sono. Mas continuo guerreando com ele... não quero dormir, prefiro ficar a esperar... Enquanto meus olhos observam o vento brincar com as cortinas, revisito pensamentos e conversas na minha mente, dou risada sozinho... suspiro.

Me distraio com os passarinhos lá fora... com seu canto, parecem querer me contar algo, que eu não consigo compreender, imagino o que você estará fazendo, por onde estará?! E a briga continua... talvez os sonhos possam me levar até a "minha pasárgada".. 

Silêncio... tudo calmo, tudo quieto...

E assim, vejo a tarde avançar da minha janela... entre pensamentos e sonhos, ainda acordado, eu continuo manhoso... a brigar com o sono...
....

E assim, meu sábado vai indo... devagar...

Abração...

"...E essa tal felicidade anda por aí,
disfarçada, como uma criança traquina, brincando
de esconde-esconde..."

12 comentários:

Douglas S.M disse...

Viver é sempre a melhor opção. Mas a preguiça nem sempre nos deixa concordar... Rs

Jose Antonio disse...

De canto em canto....o passarinho pode encantar outra vez!
Vejo sempre a imagem do seu blog......A estrada de tijolos amarelos que leva a terra de Oz! Tem sempre um sol brilhando lá no fundo......
bjs

Israel Freitas Silva disse...

Amigo, já me peguei várias vezes assim como você, dormindo e sonhando acordado. Horas e horas se passam e a gente fica ali, sozinho mas ao mesmo tempo tendo como companhia nossos pensamentos. Eles fluem naturalmente causando uma inércia física e extasiante. Nosso corpo agora em estado letárgico se entrega totalmente ao bel-prazer dos sonhos.

Abraços querido!

Paulo Roberto Figueiredo Braccini . Bratz disse...

o observar e o sentir tb é uma forma de viver certos momentos da vida ... este final de semana estou assim tb ... olhando e observando ...

beijão

Gera Souza disse...

Tem dias que me sinto assim também....

Bj

R. M. disse...

Ainda bem que a vida tem esses momentos de trégua e temos a chance de respirar fundo, observar melhor as coisas, refletir um pouco. Esses momentos tem que ser acolhidos e valorizados porque são eles que nos salvam de uma rotina muitas vezes massacrante. No fim das contas, esses intervalos de pura contemplação é que nos humanizam de verdade.
Abraço.

Celina Paudarco disse...

É gratificante quando nos permitimos esse momento,pois saímos da nossa realidade para sonhar um pouco e é muito bom para nossa mente é quase uma terapia

Eduardo de Souza Caxa ש disse...

Quando cê vier morar aqui - :-D - a gente baixa pra Santchos.

railer disse...

às vezes é bom passar dias assim...

Alex M. disse...

Parar e sentir é fundamental! Pra mim, pelo menos...
Abração

Luma Rosa disse...

Oi, Latinha!
Vai fundo!! Esse sentir está bom demais!! :)
Boa sorte!!
Beijus,

Homem, Homossexual e Pai disse...

lindo post, um post distraido, leve, parabens!

Postar um comentário