Recados Esquisotéricos

Eu sempre fui um daqueles garotos que ficava intrigado com algumas "coincidências" que acontecem em nosso dia-a-dia, é o encontro inesperado, a desistência de sair no último minuto, aquela ansiedade estranha, enfim, aquele "improvável" que nos surpreende em algum momento e que parece nos dar um recado, uma pista. Eu já não sou mais exatamente um garoto, mas essas coisas ainda me chamam a atenção.

Dia desses, lá estou eu no metrô, dia já ia pela metade, n+1 coisas passando pela minha cabeça, quando meu olhar acha um daqueles monitores que ficam passando notícias dentro dos vagões, naquele exato momento, meu signo estava sendo mostrado... Mais que isso, se o texto, fosse um recado escrito por alguém para mim, não faria tanto sentido naquele momento!! Confesso que fiquei sem ação por alguns segundos, reli rapidamente para me certificar que não estava enganado, pensei em registrar com o celular, mas não havia tempo hábil... minha estação se aproximava.

Sempre que estou em São Paulo, faço uso do metrô e não tenho lembrança de conseguir ver meu signo naqueles monitores, nunca tinha visto, justamente porque os trajetos são curtos, coisa e tal. Mas aquele dia... profeticamente, lá estava ele!!!

Outro dia, em um dos poucos momentos que usei o computador, momento de dar aquela conferida nas redes sociais, como gostam de dizer os jornalistas, junto com meu perfil surge uma daquelas mensagens xeretas, Which city do you live in?! Não feliz, ainda apresentava algumas sugestões... 

Oi?! Como assim?! Poucos dias antes em uma conversa, um assunto relacionado vinha a tona e de certa forma desde então, o assunto vem sendo gestado... A inocente pergunta foi como um cutucão naquele machucado ainda dolorido... Touchè!

Essa semana, recebo o pedido de ajuda com um amigo, às voltas com vários documentos em inglês para ler e entender, ele me pedia ajuda, já que não domina a língua... Como eu não posso ver defunto sem chorar, e aproveitando que andava meio "desocupado"... rolou aquele Momento Super Mouse o seu amigo, vai salvá-lo do perigo. Combinamos que eu o ajudaria a traduzir o que fosse possível.

Seria tudo lindo, não fosse o documento ter mais de 20 páginas e de uma área não relacionada a minha... Ser amigo não é fácil! [ehehehe] Mas depois de umas 15 horas de trabalho, quando estava quase terminando... me veio a mente aquele "segundo de lucidez"... e me dei conta, que há dias venho me amarrando para fazer um processo semelhante para um projeto que venho negociando... ou seja, acho que o recado foi bem claro dessa vez! Mas para não restar dúvidas, ainda tenho dois outros documentos para "pensar" direito.  ;-)

E no meio tempo... também me dei conta de quantos "recados", eu atropelei vida a fora, por simplesmente não estar "atento", devo confessar que não foram poucos... em minha defesa, posso dizer que estes, em sua maioria, eram mais sensíveis para mim... o que não exime a minha culpa.

E assim minha semana tem ido... entre recados, reflexões e traduções!  :P
Amanhã, pelo poderes a mim investidos, eu decreto dia de tomar café... sobre o presente de "grego" que ganhei de um amigo, algo do tipo como balancear a equação:



That´s all folks! ;-)


"Porque aprendi, que a vida, apesar de bruta, é meio mágica
Dá sempre para tirar um coelho da cartola."
(CAIO FERNANDO ABREU)

7 comentários:

DIOGO_MAR disse...

A vida tem recados e sinais que temos de saber decifrar!

http://diogo-mar.blogspot.com/

Eduardo Paiva disse...

Eu também acredito muito nesses sinais que a vida nos dá, mas confesso que nao sou muito atento a todas elas. Deixo muito mesmo pelo acaso de perceber tais sinais, porque, se o foco for ficar procurando pelos mesmos, passo o dia procurando e nao vivendo o que tenho pra viver...

Assim como sempre fui péssimo em resolver equacoes, essa é mais uma que sempre me pego quebrando a cabeca pra resolver, rs!

Grande abraco,
Du Paiva.

Paulo Roberto Figueiredo Braccini . Bratz disse...

Ah! ""Porque aprendi, que a vida, apesar de bruta, é meio mágica
Dá sempre para tirar um coelho da cartola."" Sempre dá ... de há muito aprendi não desprezar os recados da vida ...

Eduardo de Souza Caxa ש disse...

Quando o recado precisa ser dado, ele é esfregado na sua cara seja do jeito que for. Bora pra SP! :-)

Thomas Cícero disse...

Adorei a frase <3 a vida surpreende afinal so a uma .

Fred disse...

Balancear a equação é o pulo do gato. Eu não espero nem ônibus mais... hahahaha! Hugzones!

railer disse...

expectativas, quanto menos, melhor.

Postar um comentário