Esta manhã...

"Esta manhã encontrei o teu nome nos meus sonhos
e o teu perfume a transpirar na minha pele. E o corpo
doeu-me onde antes os teus dedos foram aves
de verão e a tua boca deixou um rastro de canções.

No abrigo da noite, soubeste ser o vento na minha
camisola; e eu despi-a para ti, a dar-te um coração
que era o resto da vida - como um peixe respira
na rede mais exausta. Nem mesmo à despedida

foram os gestos contundentes: tudo o que vem de ti
é um poema. Contudo, ao acordar, a solidão sulcara
um vale nos cobertores e o meu corpo era de novo
um trilho abandonado na paisagem. Sentei-me na cama

e repeti devagar o teu nome, o nome dos meus sonhos,
mas as sílabas caíam no fim das palavras, a dor esgota
as forças, são frios os batentes nas portas da manhã."

(MARIA DO ROSÁRIO PEDREIRA, escritora portuguesa)


Minha abuela tinha uma frase que a cada dia tem se tornado "meu mantra", dizia ela que: "Tudo com tempo, tem tempo!". Hoje eu ganhei mais uma "peça" de um grande quebra-cabeça que estou tentando montar e talvez agora começa a ser possível ver que figura ele guarda. A semana foi meio morna, mas a sexta-feira trouxe fortes emoções, quase que como uma novela, teve correria, tensão, mas no último minuto, a notícia salvadora do dia chegou... Agora é hora de um "all in" e pagar para ver no que vai dar.

E como nem só de trabalho vive o homem, entre um dia e outro a gente sonha, e já que eu comecei com os escritos de uma portuguesa, para terminar na mesma "vibe", vou terminar com a voz da Teresa Salgueiro, quando ela ainda cantava com o Madredeus...


Amor que trago em segredo
Num sonho que não vou contar
E cada dia é mais sentido
Amor,
Eu tenho amor bem escondido
Num sonho que não sei contar
E guardarei sempre comigo

(MADREDEUS, O Sonho)


E que venha a semana!
Grande abraço.

9 comentários:

Paulo Roberto Figueiredo Braccini . Bratz disse...

Adoro estes dias q nos surpreendem em nossa realidade parada ... q sejam boas estas surpresas e q vc saiba aproveitá-las ao máximo ...

Ro Fers disse...

Exatamente, nem só de trabalho vive o homem...

Linda a voz de Teresa.
Abraços!

Augusto Dias disse...

Nada melhor do que ir além do sonho de padaria, pois mesmo sendo delicioso esse acaba por nos engordar e deixar "parados". Movimentar-se é preciso, abraço!

Luiz Carlos Lucas disse...

Bora completar esse quebra-cabeça rapidinho! E começar essa nova etapa da vida! Boa viagem... rs

Douglas S.M disse...

Anda trabalhando demais, Lata. ^^

Marcos Campos disse...

Coisa mais instigante, conseguir mais uma peça, conseguir vislumbrar a imagem ! Como novela ... a gente fica aqui, na expectativa do próximo capítulo ! rs !
Be happy !!

Abração !

Três Egos disse...

Isso mesmo, pode me matar de curiosidade! Rs

Abraço!

railer disse...

sonhar é importante!

Mark disse...

Esse poema, a música dos Madredeus... belíssimo. Gosto tanto de ver receptividade à nossa cultura. :)

um abraço grande.

Postar um comentário