O que precisa ser feito!

Se represamos algo por muito tempo, vamos acumulando, acumulando, até que um dia, seja por força das circunstâncias, ou pela própria pressão exercida, algo terá que ceder... às vezes, ao surgir das primeiras rachaduras, ainda é possível tenta um "remendo", paliativo é verdade, porque no fundo, todos sabemos que é tudo uma questão de tempo!

Mais complicado ainda, é uma vez decidido tentar remover a represa, o fazê-lo de fato... Tudo o que calmamente repousava até aquele momento, em segundos pode alcançar uma proporção absurda, e, desconhecendo o poder de sua força e sem saber controlá-la tende expandir aquela energia, de  forma forte e violenta. E o que supostamente deveria ser bom, acaba por se tornar mau.

O desafio está em remover a represa, com calma, no tempo certo, pedaço a pedaço, permitindo que tudo o que sempre esteve represado, preencha novamente o seu lugar de direito. Coisa difícil, é ter paciência, é saber esperar e saber admirar a beleza desse momento, até que as coisas cheguem ao seu devido lugar e, possam então ser aproveitadas, em todo seu esplendor e plenitude. 

Acho que era isso... Patience my young padawan

-- x --

No meio tempo... amanhã é dia de partir! A primeira de algumas viagens, que eu adoraria fazer por outros motivos, mas que as vou fazer porque é o que precisa ser feito! No bolso, vão: saudades, desejos, esperanças, encontros e reencontros.

Por isso, pode ser que eu desapareça por alguns dias... e já sabem... [kkk]

Se alguém perguntar por mim

Diz que fui por aí! ;-)


12 comentários:

railer disse...

é o efeito da bola de neve. a coisa vai crescendo, crescendo dentro da gente, até que uma hora explode e os resultados podem ser ruins. colocar pra fora nossos sentimentos, bons ou ruins, é algo que devemos fazer sempre.

Fred disse...

Lá vai ele bater perninha por aí, nzé? Ordinááááááááário!
E fio: eu não represo nada... tu me conheces, nzé? Comigo a baiana se roda na hora! Hahahaha! Hugzones!

Paulo Roberto Figueiredo Braccini . Bratz disse...

Querido amigo ... vai sim e fica bem ... nós estaremos aqui torcendo e muito por vc ...

Beijão

Marcos Campos disse...

Vc citou alguns exercícios diários, um deles a paciência ! Que já é dificil normalmente, com uma coisa pra lá de represada então ... mas, com paciência ou sem, mansa ou abruptamente as coisas acontecem, o que não se pode é tentar detê-las ! rs !
Como esse moço bate perna ! Tá loco ! rs !
Abraço !

Jose Antonio disse...

m passo digno de aplauso e admiração!
bjs

Thomas Cícero disse...

Musica boa <3 Boa viagem e da um update de como esta indo rs Beijos.

Marcos Campos disse...

Então o Sr está por Campinas ? Não disse que vc bate perna, muito !
Onde vc está por aqui ??
Ah ! E como vc pediu, a chuva parece que resolveu dar um tempo essa tarde ! Até um céu super azul aconteceu !
Abraço !

Marcos Campos disse...

Por acaso vc tem FB, Twitter ?

Eduardo Paiva disse...

Sei bem como é isso Latinha... Comigo é a mesma coisa.
Desde que comecei a escrever no blog, tenho tido sucesso em mudar várias coisas em que eu nao gostava em mim. Poucas foram fáceis e muitas difíceis.
Mas, engatinhando se vai longe...

Grande abraco,
Du Paiva.

Fred disse...

Ainda bordejan... ops, digo, passeando?!? Hahahaha! Hugzones!

Israel Freitas Silva disse...

Guardar por muito tempo, certos sentimentos, com certeza não faz bem a nenhuma pessoa. Temos que deixar eles aflorarem e assumirem seu lugar. Independente do resultado que possa acontecer, o melhor é deixar fluir com naturalidade. A liberdade dos sentimentos, a explosão das emoções guardadas, nos faz sentir que estão libertos para o mundo.

Homem, Homossexual e Pai disse...

linda esta sua imagem da represa! eu não tenho muito problema em "chutar" algumas represas de vez em quando, mas nem sempre me preparo para as consequencias....

Postar um comentário