The Blue Fairy

E quando você acha que tem todas as respostas, vem a vida e muda todas as perguntas... 

Okay, minha vida é meio clichê, vou fazer o quê?! As vezes tenho a sensação de que com um punhado de citações e poemas de Fernando Pessoa, Maria do Rosário Pedreira, Drummond e uma pitada de Clarice Lispector - para "aqueles" dias, eu poderia fazer um  bom resumão dela. Enfim, eu gosto dela assim... foi o melhor que eu puder fazer, até o presente! 


E cá estou, a frente com uma escolha, na verdade a escolha foi feita, mas não entendo porque sempre temos que nos agarrar aos "mas" que existem pelo caminho. Talvez, por essa razão, meu estômago esteja tão revolto... "... um pequeno passo para a vida dos outros, mas um grande passo para a minha vidinha".


Natal foi bom, diferente, mas bom! Tivemos visitas em casa, segui o roteiro e falei com a maioria dos meus amigos, matei saudades, promessas de reencontros foram feitas... Meu Natal foi meio atropelado, uma viagem ao Nordeste me deu a chance de ir ver as "franjas do mar" pela última vez neste ano... adoro sentir a energia do mar.


Nada como acordar em uma manhã de sábado e assistir ao sol mostrar sua força enquanto o mar nos brinda com a espuma a bater em nossas pernas...



Nosso sonho
Se perdeu no fio da vida
E eu vou embora
Sem mais feridas
Sem despedidas
Eu quero ver o mar
Eu quero ver o mar
Eu quero ver o mar  (Vanessa da Mata, Música)




E agora é esperar o ano novo... bom, eu não ia postar, mas para não perder "a regularidade", resolvi fazer um post "extraordinário", mas essa semana eu ainda vou fazer uma outra postagem para fechar o ano...


Inté.



13 comentários:

Edu disse...

Um segredinho pra você: NÃO EXISTEM RESPOSTAS. Não definitivas (nem pra morte!). Então pare de se preocupar com elas. :-)

Beijaum!

Gay Incomum disse...

Esses malditos "mas"!!
Eles perturbam a minha vida.
Queria ser forte, audacioso, enfrentar o mundo sem medo, mas...
mas... mas...
Saco!
=/

Speedy disse...

os "mas" é que dão cor à vida. caso contrário seria uma monotonia.

Serginho Tavares disse...

conhecendo sua regularidade aqui eu até iria desejar feliz ano novo mas vou esperar pelo outro post
rs

beijos

Nil Witchimichen disse...

Hoje eu sou uma pessoa mais feliz
Pois descobri como se comenta no blog do latinha ^^
\o/

My Boo Side disse...

Esqueci de comentar... Gostei demais da interpolação sua com o Latinha!

Eu não me importo muito com a necessidade de saber se é isso ou aquilo, eu sou um dos caras que mais levantam a bandeira da falta da necessidade de um rótulo; Pouco me importo com isso.

Criei o blog com a intenção de falar de todas as situações que me ocorrem, só que as coisas que me acontecem no minha vida sentimental/sexual do lado H+H são, para min, engraçadas.

Eu digo, ás vezes, que eu sou meio bocó, sabe? Não sei como agir quando outro cara está interessado em min! Logo a única coisa que faço é rir do meu papel interpretado nesse fim de comédia que ás vezes é minha vida sexual no lado bi, com homem.

Eu tive uma grande amiga que dizia que "eu tenho cara de bebê esperando para colocar a fralda", mas tipo assim: Bebê gigante com fralda de pano gigante e alfinete gigante!

A propósito, o Latinha não fica numa bifurcação em dado momento???

Edu disse...

"esperando uma amiga que estava se matando em uma loja..."

HEIN?? Ela tava se matando e você não foi salvá-la? E a mulher ainda disse que jesus te ama? É o após-calypso mesmo.

FOXX disse...

foi pra onde no nordeste?

SG disse...

O que seriam dos "portantos", se não existissem os "mas"?

Kim III disse...

Quem me dera poder dizer: "fui ao nordeste".
Ahah um dia vou ao Brasil!
Bom ano novo Latinha, respondi-te no meu blog :)
Beijinhos

My Boo Side disse...

De qual bifurcação eu estou falando? Não tem uma hora no filme que o Latinha tem que escolher ir pra direita ou pra esquerda?

My Boo Side disse...

Passei pra desejar um Feliz 2012!

Cara Comum disse...

Amigo, não é a sua vida que é pequeninha, "uma vidinha"... É a vida de todos. Sobre os "mas", eles existem, não é? podemos focar neles ou na oração principal.

Muita paz pra ti!

Abraços!!

Postar um comentário