Carnaval

Bom, acho que estou em uma "crise criativa", tudo bem que os últimos dias foram meio atropelados para mim. Um colega montou sua própria empresa e deixou a empresa onde eu trabalho, por essa razão, passamos de uma situação onde estavámos preocupados porque havia pouco trabalho, para uma situação de preocupação porque agora tem muito trabalho. Vai entender!!!

Isso meio que me atropelou esses dias. Aliás, atropelou e deu ré!!!
Mas acho que agora as coisas vão começar a entrar no eixo.

Recebi um elogio esses dias, fiquei contente... últimamente eu não andava muito bem, sabe aquelas fases em que parece que tudo o que a gente faz dá errado? Pois é, eu estava nessa, me sentia "o sub-extrato do pó de peido do cavalo do bandido da última cena do filme", pior que não gosto de sentir que não estou bem na fita (bom, ninguém gosta), mas estou me recuperando. O legal é que esse elogio foi verdadeiro e veio de onde eu não esperava.

No mais... minha vida anda tão excitante quanto a vida das planárias! Terrível!!!

Na verdade, to enrolando... tem uma questão que me atormenta.
Tem um tempo, ano passado... eu conheci um carinha pela net. Eu estava naquelas fases de P.T.A. (Puta Tesão Acumulado) alto e papo vai, papo vem, fui encontrar o cara. O cara é legal e a gente se curtiu, como nada é perfeito, ele me contou depois que é casado... o que me reduziu a um "destruidor de lares", ehehe.

Mas então, tudo bem... se eu queria discrição melhor impossível. A gente continuou se falando por MSN e uns meses depois a gente se encontrou de novo... nesse período eu não tinha encontrado com mais ninguém. Agora eis que surge o referido novamente... mas não sei se quero encontrá-lo novamente. Bom, tudo bem que se já estou tendo dúvidas é mais do que um sinal para não ir, mas às vezes me pego a pensar se não estou me boicotando ou se não estou procurando pêlo em ovo.

Lembra daqueles desenhos do Pluto em que ele fica em dúvida e dai aparece o anjo e o diabinho para aconselhar? Mais ou menos assim que estou... se por um lado, como diriam os advogados eu tenho Meios, Motivo e Intenção (acho que era isso!), e não tem nada de mais, além do que eu também já estou beliscando azuleijo de novo! Por outro tem o fato de que eu não queria mais essa vida de "encontros furtivos", nada contra, nem estou criticando ninguém, mas é que eu queria mais, eu queria acreditar que as coisas poderiam não ser tão "perecíveis"!!! Tem também o lance dele ser casado... ai caramba!

Sei lá... bom, felizmente (eu acho!), não tem sobrado tempo nem para fazer as coisas que eu preciso fazer, quanto mais para aquelas que eu nem sei direito se quero fazer ehehehe. Bom, tirando esse detalhe as coisas tem ido bem neste novo ano...

Agradeço as visitas e agora acho que vou poder postar com mais regularidade, também vou atualizar a lista de blogs que vão ficar linkados aqui. Falar nisso, Edu, quando passar por aqui deixa teu e-mail, seu comentários são sempre muito bons e eu nunca posso retribuí-los!.

No mais espero que todos tenham tido um bom carnaval e que seja uma semana muito boa!

Inté, Latinha.

Essa semana vou de Dalai Lama:
"Se todos os dias nos analisarmos com cuidado e atenção, verificando nossos pensamentos, nossas motivações e suas manifestações no comportamento externo, abriremos em nosso íntimo uma boa possibilidade de fazer mudanças e efetuar um aprimoramento pessoal. Embora eu próprio não possa afirmar com toda a confiança que tenha feito algum progresso notável no decorrer dos anos, meu desejo e minha determinação de mudar e melhorar são sempre firmes.

Desde o momento em que acordo até a hora de dormir e em todas as situações da minha vida, sempre tento analisar minhas motivações e ser meticuloso e atento a cada momento. Pessoalmente acho que isto é de grande utilidade para minha vida."

5 comentários:

Eduardo disse...

Olá Tin Man!
Valeu pelo seu coment... ajudou um pouco!

Bem... qnt ao seu caso, acho que vc num precisa ficar muito encucado pelo fato de ele ser casado, a não ser que ele tenha filhos, pois ae a coisa "comprica"... E depende do que ele quer de vc, se é só xurtição ou ele pensa em largar a familia...

Gostei do seu blog! Vou linkar tb [qnd der]

Abração!

Tiago J. disse...

Oi Querido
!
Que bom que bons ventos te trouxeram pois te digo que ventos de paz e de alegria trouxeram a mensagem de volta [rs]
E como é bom recebe uma mensagem assim..
Onde vc morava aqui por perto? Linkei vc, não nos meus Blogs mas na minha página www.fotolog.com/tiagoconselheiro onde tem um link que ficam meus blogs certo?
Espero que me add e visite sempre que der..
Gdeeeeeee abraço!

jaleco disse...

intao... ainda nao tinha passado com calma por aqui... ainda tenho que voltar com maissss calmas. mas assim pq o latinha? rsrssr
qto ao cara casado... afff cara, acho que se ele ta nessa vc nao tem que ficar muito neurado desde que vc esteje feliz...
so nao faca nada que nai queira ta?

que mais? rsrsr ah... vamo comninar que eu passo com masis calma depois ta?

beijo se for de beijo e abraco se for d e abraco

Dual Life disse...

Eita, homem casado, enrolado, comprometido... é furada.

É um risco que se corre. Imagino que és uma pessoa madura, mesmo assim ainda é possível meter o coração numa armadilha. Não falo necessariamente de afetividade.

Acho que o melhor a fazer é procurar alguém mais "livre". Discrição? Tem um monte a fim e que são altamente cuidadosos. Sou assim e namoro um assim. Muito conveniente.

Há uns "poréns" nisso. Mesmo assim acredito que pode-se evitar muitos problemas não se envolvendo com gente enrolada.

Muito boa sorte! Abraço!

Divorciado disse...

Bem Latinha eu acho q vc deve se dar a oportunidade, mesmo o cara sendo casado. Vc deve saber pelo meu blog minha história: meu casamento já tinha acabado, mais eu contiava casado e morando junto qdo conheci o namorado. Hj estou livre desse passado. Qdo se ama tudo é possivel amigo. Vc precisa saber + desse casado ai, derrepente ele pode estar vivendo uma situação parecida. Só vivendo para saber. Por q não tentar ?

Postar um comentário