Despir-se

Se despir em frente a alguém... talvez esteja ai, um dos grandes desafios da vida...

E por despir-se, não digo só desnudar-se em frente a outra pessoa, provavelmente essa seja a parte mais fácil, mas digo se despir no sentido de baixar todas as suas armas, todas as suas defesas e se permitir ser visto, de forma clara e sem nenhum "subterfúgio"...

É se ver plenamente refletido no olhar do outro, sem nenhum julgamento, sem nenhuma "observação", sem nenhum "mas"... Tenho para mim, que em momentos assim, absolvições são dadas, questões são respondidas e o passado pode ser finalmente deixado para trás, abrindo espaço para um novo e inesperado sentimento, uma onda de esperança, que nos fizesse despertar de um longo sonho...

Muitos podem pensar que tais momentos aconteceram tarde demais, outros que nunca irá acontecer, mas a verdade é que ele virá no tempo certo, e a ele será dado o poder de  iniciar um novo período, a partir do qual tudo realmente irá contar.


"A maior parte da nossa vida, é uma série de imagens.
Elas passam pela gente como cidades numa estrada.
Mas algumas vezes, um momento se congela, e algo acontece.
E nós sabemos que esse instante é mais do que uma imagem.
Sabemos que esse momento, e todas as partes dele...

irão viver para sempre."


;-)

10 comentários:

Margot disse...

Vc tem boa pontaria....rs
Não consigo isso ainda...mas vc tem me ensinado aos poucos.
beijos L.

Vou linkar.

Dil Santos disse...

Oi Latinha, tudo bem?
Menino, eu vivo desse jeito, ao menos tempo que é algo bom, é péssimo, pq além de me mostrar completamente, eu fico vulnerável. E isso de certo modo acaba me prejudicando um pouco.
Bjo menino

Frederico disse...

Olha tirar a roupa é fácil, difícil mesmo é como vc mencionou despir o nosso interior.

Edu ardo disse...

Concordo com tudo. Mas às vezes o/algum mistério precisa ser mantido, também.

railer disse...

realmente é algo que não é fácil e que exige confiança. mas também é algo que todos precisam fazer para se conectarem melhor com quem amam.

Fred disse...

Uhuuuuuuuuuu... olha a festa do cabide aí, genteimmmmm! Caríssimo... muito perfect o teu texto... assino embaixo e dos lados... hehe!!!
E claro que duas pessoas maravilhosas (e modestas) como n´so só poderiam ter mães phodonas, nzé? Hahahaha! Hugz!

sad eyes disse...

É mais fácil tirar a roupa, concordo. Mas em alguns momentos da vida fazemos isso e às vezes é mesmo preciso. Eu já me vi a faze-lo nas alturas menos prováveis.
Abc

Júlio César Vanelis disse...

É tão difícil confiar nas pessoas hoje em dia... Se vc de despir, pode acabar sendo ingênuo demais... Talvez seja isso que torne esses momentos mais especiais...

Um beijo, latinha... até!

FOXX disse...

olha, eu faço fácil fácil, não vejo problemas em confiar nas pessoas...

Serginho Tavares disse...

realmente confiar no outro não é fácil...
beijos queridão

Postar um comentário