Growing Pains

Quando a gente acha pensa que tem todas as respostas,
vem a vida e muda todas as perguntas.

Eu adoro o espírito dessa frase!

Primeiro porque coloca por terra uma série de pensamentos e lógicos e racionais criados por nós , mostrando o quão insignificante somos perante essa "força maior" que é viver, o que diga-se de passagem não é nada fácil. Não fosse o quinhão que cada um carrega, ao longo dos anos vamos amelhando mais medos, receios e traumas, e por vezes nos leva a tentar nos proteger por meio de barreiras que insistimos em construir ao nosso redor... mas, desconsideramos que tais barreiras que não permite que sejamos feridos, também não permitirão que sejamos tocados.

Há vezes que saimos de peito aberto... confiantes e de cabeça erguida, nos doamos às pessoas, às relações, aos sentimentos.... e acabamos severamente feridos, naquilo que não raro é o que de mais importante temos... nossos sonhos! Recuperar-se de uma decepção, de uma magóa, não é fácil... é o tipo de ferimento em que qualquer movimento pode torná-lo a abrir...processo de recuperação longo, por vezes tem efeitos colaterais mais danosos que o próprio ferimento.

De qualquer forma, a vida nos oferece surpresas e um dia a mágica acontece e nesse dia... independentemente de quanto tempo ele dure, saberemos que apesar do todo o sofrimento , tudo vale a pena, e que a chave para este novo estado de consciência esteve conosco todo o tempo... e assim, mesmo uma manhã chuvosa de segunda-feira, pode ser um dia cheio de cores e perfumes.

E lá vamos nós, tudo de novo!!


E que a força do medo que tenho, não me impeça de ver o que anseio.
E que a morte de tudo que acredito não me tape os ouvidos e a boca.
(FERNANDO PESSOA)


Inté!

4 comentários:

Edu e Mau disse...

AMÉM! Que a gente sempre se lembre do "também não permitirão que sejamos tocados.", né? Na hora é difícil, mas é isso aí! E até a dor da decepção indica um "toque" à sua maneira. Bora pra vida, que a chuva é cinza e traz nela o Verde da vida!

FOXX disse...

A ideia é continuar sempre aprendendo né?

@philipsouza disse...

nada é fim e sim começo...tudo se cnquista....

abraçao

Luma disse...

Latinha, é um risco confiar, é risco amar, é risco viver! Se não arriscarmos, não vivemos, não é? Beijus

Postar um comentário