Dead deadline

A expressão "morrer na praia" cabe como uma luva para mim hoje, é com esse sentimento que fui dormir na segunda-feira passada. Ontem era o prazo final para enviar artigos para um congresso que vai acontecer no segundo semestre, passei o final de semana inteiro trabalhando, aproveitando a insônia, virei a noite de domingo para segunda trabalhando, fiquei esperando os comentários do meu orientador para poder fazer as correções e enviar o artigo. A resposta veio no final da tarde, apesar de bem escrito e de estar bom, não houveram avanços significativos na minha pesquisa, por isso ele "recomendou" que eu não enviasse, ou então (agora vem o tiro de misericórdia), enviasse sem o nome dele.

Fiquei me sentindo "o sub-extrato do pó de peido do cavalo do bandido da última cena do filme", ou seja, um nada! Dias de stress, noites mal dormidas e... morri na praia... Na verdade eu acho que minha chateação é mais pelo sensação de tê-lo desapontado do que pelo artigo assim, o artigo está razoável, acho que até seria aceito e publicado, mas em relação a nossa pesquisa eu sou obrigado a concordar que está "superficial" (de acordo com as palavras dele!). Essa doeu!

Bom, estou decidido a ouvir meu "lado Pollyana" e vou reescrever todo o trabalho, final do mês tem reunião em São Paulo e vou tentar reverter essa situação. Afinal, o show tem que continuar...

"Rapidinhas..."

Dia das Mamitas. Saímos a família toda para jantar no sabadão a noite, foi muito divertido e dei boas risadas... minha mãe é um pessoa especial, se somos alguma coisa hoje tenho certeza que foi por conta dela. O mais legal é que minha mãe tem uma cabeça super aberta, moderna e nós é que parecemos os "velhotes" de casa...

Desafio. Muito legal!!! Engraçado que mesmo sendo uma brincadeira, onde poderíamos escrever a princípio qualquer coisa, a gente sempre acaba gastando um tempo pensando nas respostas, no que gostamos ou não gostamos. Bom, tendo em vista que alguns desafiados declinaram polidamente do desafio, vai rolar umas substituições. Assim, pelos poderes a mim investidos, eu convido o Hairybears e o Free Tunning para participar do "Se eu fosse..."

Hoje, como só vou trabalhar no final do tarde, decidi que vou vadiar a tarde toda... vou tomar uma overdose de café expresso, comer uns docinhos na minha bagueteria favorita e ver o povo na rua.

Boa semana para todos ;-)

"Eu aprendi
que não é possível ganhar
sem saber perder e não é
possível acertar sem

saber errar"
(Legrand)

(Inté)

15 comentários:

hotspot_fortaleza disse...

EU ADOROOOOOO SAIR SEM RUMO, VADIAR MESMO ... VER O MOVIMENTO ... AS PESSOAS ...

HOTSPOT FORTALEZA
http://hotspotfortaleza.blogspot.com/

Oz disse...

"Morrer na praia". Também utilizei esta expressão no meu post de hoje, embora num contexto diferente. Não esmoreças e aplica-te no artigo, vais ver que à segunda sai melhor e o orientador até vai pedir para o nome dele também aparecer. lol
Boas vadiagens! lol
Abraço e boa semana!

Ricardo Mantler disse...

Morrer na praia é ruim.
Eu já morri algumas vezes e a vontade que dá é desistir mesmo.

Cara Imperfeito disse...

Tinnnnnn,
Se não era pra ser é pq não chegou a hora.
Bola pra frente e acelera pra ser merecedor, vc é mto capaz, daqui a pouco chega sua vez.
=)

Abração.

Free tunninG disse...

" sub-extrato do pó de peido "
iahsidiashdihasidhisahdihas!

nunca tinah ouvido esta expressão! asihdiashidhaish muito legal !

bom eu tenho 17/18 anos!

Pode me xamar de Free:D

Se eu fosse!

foi fazer isto no meu blog!
:D

Boa quarta pra ti!

edu disse...

Carinha, quando vc estiver namorando serás uma companhia agradabilissíssima pra ele, hein? Dá pra notar.

Beijo!

BlueBob disse...

Cara, torço para que um salva-vidas saradão faça uma respiração boca a boca e te dê fôlego de novo. Morrer na praia não dá!

Bjs

FOXX disse...

vc pesquisa o q, latinha?
desculpe
mas tive q declinar sim...

Poison disse...

Putzzzzzzzz...
"Pode enviar, mas tira meu nome" é pra acabar com tudo mesmo... hehehe!!! Mas não te entregue... aqui no RS sempre se diz "não tá morto quem peleia!!! Hehehehe!!!
E atenção: não declinei do convite... apenas não consegui tempo para responder com a devida atenção... hehehe!!! Mas aguarde!!!
Te cuida!!! Abraços!!!

Luiz Pep disse...

Menino metálico, sempre vejos seus coments e hoje passei por aqui, linkei vc, link me too se quiser!

Ah! Pode ser com o meu nome! :)

Ricardo disse...

Rapaz... chegou a me dar um nervoso enquanto eu estava lendo seu post... o Lê também tem relatório de pesquisa pra entregar agora, até dia 28, e ele está uma pilha de nervos!
Essa vida de pesquisador é uma coisa!
E no caso dele, ele tem uma reunião semanal com seu orientador... no percurso que esse faz, ao sair de uma sala de aula até o estacionamento, andando!

:|

Beijão!

Eleonor V. Vorsky disse...

Sem comentários esses famosos baldes de água fria, passando por algo similar.
A minha dúvida é:
-são pra nos alertar que estamos no caminho errado e mudar?
-ou pra testar se é isso mesmo que queremos?
...

Viajante interdimensional disse...

ai, eu imagino o que é isso, to fazendo pré-projeto aqui pro emu tcc, aff essas coisas de artigos e tals são foda, bah, eu imagino chegar no final do meu tcc e não ser aprovado, eu me mato.. aff

Dual Life disse...

Ainda tô no desafio...

Só não parei com calma pra enfrentá-lo...

Muita coisa acontecendo na vida desta pobre criança em pouco tempo...

Abração!

Dawson disse...

Querido Tin!

Desculpe mais uma vez por ter declinado o convite para o desafio. Quem sabe uma próxima vez eu me sinta preparado...

Olha, essa do teu orientador realmente foi FODA! Imagino que vc tenha ficado se sentido péssimo, pois investiu mto tempo e trabalho no artigo. Mas o lance é não desistir amigo!

Acredito em vc e no teu potencial, ok?

Abração!

Postar um comentário